terça-feira, 8 de maio de 2012

Maurice Sendak

Sinceramente, o trabalho de Maurice Sendak não fez parte de minha infânica e foi difícil para mim, ja adulta apreciar ao todo o seu principal livro. Comprei o Where the wild things are no original  na mesma época em que lançaram o filme, mesmo sem "sentir" o livro ao todo me encantaram as ilustrações. 
Vendo o filme (de 2009) também foi um pouco difícil curti-lo. Foi na segunda vez que aceitei mais por completo o trabalho psicológico dele, mas ainda sim, acho que alguém que o tenha como referências infantis maiores possa fazer um maior "proveito" dele.
 Mesmo sem ter "curtido" o momento de Maurice posso dizer que a literatura infantil perde um pouco com sua ausencia. É triste perceber que os livros para crianças estão aos poucos ficando mais abobados - lembrem-se que C.S. Lewis escreveu as Crônicas de Nárnia para crianças! - e Sendak não se enquadrava no perfil.

RIP Maurice Sendak.

"Oh please don’t go. We love you so. We’ll eat you up."

Nenhum comentário: