domingo, 29 de julho de 2012

Imagens da #CPRecife


Guaraling
Pessoal super talentoso da Guaraling!
#CPRecife
Palestra sobre Green Tech no palco central
#CPRecife
Rick Falkvinge
Rick Falkvinge do Partido Pirata Sueco - 1ª vez no Brasil

Mais imagens da Campus Party no Flickr

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Canto Perdido na Campus Party Recife


#CPRecife

Começou hoje a Campus Party em sua primeira edição no Recife, a cidade se transforma na capital da tecnologia, inovação, ciência, entretenimento e cultura digital recebendo o maior evento do tipo em todo o mundo. A Campus começou em 1997 na Espanha e aos poucos foi crescendo e em 2008 se internacionalizou, ganhando edições no Brasil, México e Colômbia (2011 chegou também ao Equador!).

#CPRecife

Fui acompanhar a organização dos campuseiros de perto se instalando na Arena (onde eles interagem e participam das palestras e oficinas espalhadas entre um palco principal e outros quatro menores). E lá pude conhecer o Emanuel, talvez o mais jovem participante do evento (11  12 anos) que veio de Salvador para assistir as palestras sobre empreendedorismo e desenvolvimento de software (gente ele trabalha com um amigo  - que também veio ao Campus com o pai Chico - desenvolvendo jogos!). Ele já estava instalando seus equipamentos e parecia super animado com a expectativa do que será a campus.
Caminhando até o Centro de Convenções (a Arena é no Chevrolet Hall) onde fica o acampamento, encontrei o Gregory vindo de Natal que estava esperando um grupo de colegas do IFRN (ele já estudou lá) que ainda estavam chegando para procurarem estadia.

Depois que eu vi o "l" diferente
Quando cheguei ainda haviam poucos participantes na área, mas não parava de chegar pessoal. E algumas horas antes da abertura o @pacoragageles (co-fundador da Campus) postou uma imagem da arena já lotando (aqui).

Quer acompanhar ao vivo o que está acontecendo na Campus Party? Acesse o Campus Channel!

terça-feira, 24 de julho de 2012

Mágica!

Às vezes nós precisamos de um pouco de mágica

Magia nas nossas vidas só existe se acreditarmos.
{1}

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Canecas...


Quero:

A caneca à R$25 cada era vendida no SPFW. 

Canecas acabaram virando artigo de coleção para mim, uso-as para separar as canetas, lápis e material de maquiagem (rímel). São sempre uma boa lembrança de viagem ou uma peça única ou limitada de um artista. Uma que eu sempre tive vontade de comprar - mas nunca o fiz por questão de morar longe da loja e quando vou nas proximidades nunca me lembro - é esta linda caneca preta de caveira (Herchcovitch style) que aparece até na novela das 6h nas mãos da vilã Melissa (Cassia Kiss) que parece ter uma coleção de canecas e está sempre pronta para um cafezinho.

{from}

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Saias Mullet - uma mania por caudas



A Glória Kalil já havia declarado seu horror às saias mullet mais de uma vez (aqui e aqui) e pouco tempo depois tentou dar uma "diminuída" no post "Sou feia, mas tô na moda" falando que seria inútil brigar com a moda, "Tudo que cai no gosto dessa caprichosa senhora entra numa bolha de desejo que se coloca acima do bem e do mal. [...]  A moda tem esse poder: faz a gente sair da zona de conforto, rever conceitos, abrir a cabeça para novas possibilidades, não ter medo de experimentar novas situações.Fazendo questão de relatar o seu horror ao ver pela primeira vez em um editorial um sapato branco o que depois de algum tempo levou achar aquela combinação interessante... Ao final declarando:
"É pouco? Pois já já devo achar o tal sneaker divertido, a saia mullet simpática, a calça cenoura interessante
Com a finalidade de desvendar os "culpados" pelo revival, a Redação da Glória fez uma matéria no site.


A saia assim como o famoso corte de cabelo Mullet ("mulets") dos anos 80 é curta na frente e vai alongando atrás fazendo uma espécie de cauda. Em minha opinião, revela tanto um desejo de resgatar essa shape quanto uma mistura de vontade de mostrar as pernas (percebam o quanto a ideia de transparências nas pernas foi e voltou) com o de usar saias/vestidos com cauda (sereias). Esse ano terei meu baile de formatura e procurando algumas referências de looks recentes das famosidades em eventos encontrei vários vestidos de cauda (como vocês podem ver) na entrada da festa anual do Metropolitam Muesum of Art, o MET Gala, fotografado pela talentosíssima Jamie (já falei dela em outro post). No próprio evento, a Gwyneth Paltrow usa um mini vestido estruturado com a saia levemente mullet. Vocês podem conferir como fendas, transparências e caudas estão aparecendo cada vez mais nas festas lá de fora pelo tumblr da Jamie - From me to You

Gwyneth Paltrow e o mini com "cauda"
Olho com simpatia as tão faladas saias em editorias e fotos, mas não consigo visualizar seu uso na vida real sem perceber mais contras do que prós. Imagino que seja aquela espécie de roupa que fica bem justamente para dar o efeito foto-editorial, própria para as longilíneas pernas das modelos e suas pernas fininhas, a cauda pode "achatar" a silhueta de qualquer um (as pessoas podem querer aparentar não ser tão altas, mas achatadas, nunca)
Observe bem, que em festas da vida real as famosidades optam por longos esvoaçantes, com fendas, justos, com transparências, caudas, curtos, cheios, médios, mas dificilmente vão optar por modelo de saia tão difícil.

E então...
Qual a opinião de vocês quanto as saias mullet?
Fontes da imagens:
Pré-iverno 2010 da Prada
Lookbook.nu 1, 2, 3
David Bowie com o corte

terça-feira, 17 de julho de 2012

¡Cumpleaños Felices, Quino!


O grande mestre faz 80 anos. Seu trabalho fala não apenas a Argentina ou América Latina, mas a todo o mundo. Quem não se alegrava ao encontrar as suas tirinhas em livros de português e gramáticas ou se identificava nem que seja um pouquinho com o jeitinho questionador da garotinha Mafalda? Obrigada, Quino pelo trabalho tão fantástico, muita saúde e alegrias agora e sempre.

imagens: tumblr

domingo, 15 de julho de 2012

Se você...

...ainda não escutou essa música.

Para um pouquinho para escutar antes que o mundo acabe.




Aproveita também e escuta outras músicas de Mika, porque com elas a vida fica mais leve e você percebe isso. É muito difícil não se contagiar com a alegria que emana seu trabalho. Suas músicas mais tristes são tocantes, daquelas para escutar abraçando a almofada; tanto que o projeto "Mika - songs of sorrow" reuniu o trabalho de talentosos artistas (favoritos do cantor) para ilustrar quatro de suas músicas. Uma preciosidade (em edição limitada) à título de obra de arte. (Fiquei com vontade de comprar)

image 1 from tumblr
image 2 mikasounds

domingo, 8 de julho de 2012

Charlie Brown e cada um de nós


"Charlie Brown é... eu penso que todo mundo é um pouco como ele, todos nós precisamos nossa garantia que alguém realmente gosta de nós." Charles Schulz falando e desenhando neste video.




“While I am carrying on a conversation with someone, I find that I am drawing with my eyes. I find myself observing how his shirt collar comes around from behind his neck and perhaps casts a slight shadow on one side. I observe how the wrinkles in his sleeve form and how his arm may be resting on the edge of the chair. I observe how the features on his face move back and forth in perspective as he rotates his head. It actually is a form of sketching and I believe that it is the next best thing to drawing itself. I sometimes feel it is obsessive, but at least it accomplishes something for me.”


Charles Schulz