terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Que venha 2013!

É estranho pensar que um ano que eu desejei tanto acabar (ao menos alguns "ciclos") finalmente esteja se encerrando. Algumas coisas foram difíceis de engolir, outras de deixar passar, mas passaram... Pessoas ficaram do meu lado (umas que eu menos esperava) mas também houveram aquelas que de repente não estavam mais lá. 
Um buraco no peito se forma com a perda de alguém querido. Mas só perdemos realmente as pessoas quando vamos nos esquecendo delas.

Acho que foi o ano que mais vi minhas amigas de colégio, e sinceramente espero que em 2013 isso continue. Dividir alegrias e inseguranças com essas meninas me revigora. Conversar bobagem; qualquer evento se torna uma comemoração de alegria contagiante.
Amanhã é a minha colação de grau, mais um "ciclo" se encerra...

Nossa, não parecia que o ano fosse passar tão rápido! Todas as alegrias, nervosismo antes de entrar em sala de aula, novas experiências, novos amigos; parecem ter acontecido a tanto tempo atrás... Ah, que coisa boa foi 2012! Obrigada pelos ensinamentos, pelas coisas boas que me fez aprender. A palavra resiliência passou a ocupar um espeço especial no meu dicionário interior. Foi um ano de sair, se divertir, ver os amigos, chorar nas madrugadas (de tristeza e alegria), ficar ansiosa, trabalhar muito e ficar muito feliz com o resultados de todo o seu esforço.

Querido 2013, venha. O mundo resolveu não acabar, temos 365 dias para novas aventuras. Vamos plantar um ano novo bem legal e cheio de realizações para todos nós!

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Todo Fim de Ano é assim...


Especial de natal daquele cantor famoso... Comércio Popular e Shoppings lotados, propagandas de refrigerante com o bom velhinho, de perfumes com vários presentes à serem comprados, listas e mais listas.   As luzes vão piscando e as pessoas parecem enlouquecidas em seus desejos de confraternizar-se e comprar. Passar a ceia com o vestido comprado no meio do ano? Nunca! Mesmo que ele esteja praticamente com a etiqueta (e se brincar, ainda está). Eita, faltou o presente daquela prima que resolveu aparecer de última hora... Isso tudo sem se esquecer do que vestir na virada do ano! As ruas lotam ainda mais, carros invadem a cidade, engarrafamentos, ônibus lotados, o sol de verão não vai perdoar ninguém... Cuidado com o bronze de camiseta e não esqueça de levar uma garrafinha de água com você! 

*Suspiro...*
Quem ainda aquenta o fim de ano?